Atraso de voo – voo atrasou e perdi a conexão

Com a chegada da alta temporada, a procura por voos, nacionais e internacionais, cresce exponencialmente nas grandes cidades. Mas, com o aumento da demanda começam a surgir também os problemas.

Atraso de voo

Um dos mais comuns é o atraso de voo. Todos os dias, milhares de passageiros enfrentam transtornos, com perda de conexão por atraso de voo ou cancelamentos, que os obrigam a remarcar ou mesmo adiar compromissos.

Mas, afinal, o que diz a legislação sobre a perda de voo? Quais são os direitos do consumidor que perdeu compromissos por esta razão? Se você já passou por esse problema e não sabia o que fazer, então leia esse texto.

Aqui reunimos tudo o que é preciso saber para pedir uma indenização por perda de voo, como se proteger em situações como essas e outras dúvidas que possam surgir.

Atraso de voo direitos

Comprar as passagens, reservar o hotel e preparar todo o seu dia para aquela tão sonhada viagem e, ao chegar ao aeroporto,descobrir que seu voo está atrasado.

Embora se trate de uma situação comum, ela provoca enormes dores de cabeça, pois um atraso de meia hora em uma decolagem tem o poder de atrasar ou mesmo cancelar compromissos.

Quando isso acontece, muitas pessoas tendem a ficar confusas, sem saber o que fazer e, sobretudo, como recuperar suas perdas em caso de prejuízos com hospedagem, alimentação ou mesmo compromissos cancelados.

O que diz a Anac

No caso da Anac atraso de voo, a legislação da agência diz que as companhias aéreas devem informar seus passageiros, a cada30 minutos, sobre a previsão de partida em caso de voos atrasados.

É de obrigação das empresas, também, informar imediatamente quando o voo atrasa e, em caso de longas demoras, oferecer assistência material, como reacomodação, reembolso integral e transporte.

Em caso de atrasos superiores a quatro horas, a legislação prega que o consumidor pode cancelar o embarque ou embarcar em outro avião.

Atraso de voo dano moral

Embora, nesses casos, possa ser aplicado o que está escrito sobre atraso de voo direitos do consumidor, a legislação permite ao passageiro afetado solicitar uma indenização por atraso de voo.

Nesta ação, é possível alegar dano moral atraso de voo. Segundo o Supremo Tribunal de Justiça, esse tipo de entendimento é possível porque, quando a decolagem atrasa, um passageiro tem enorme desconforto, nervosismo e outras emoções negativas.

Ação contra companhia aérea por atraso de voo

Para mover uma ação por dano moral atraso de voo é preciso, primeiro, que o passageiro seja capaz de provar que houve prejuízo, material e emocional por conta deste atraso.

Em seguida, é necessário anexar toda a documentação que prove o incidente, informando inclusive se houve extravio de bagagem. Neste caso, pode ser possível pedir ainda o atraso de voo indenização.

Segundo a jurisprudência atraso de voo, o valor pago irá considerar o quanto esta pessoa perdeu ao não comparecer a compromissos, sejam pessoais ou profissionais. No caso do extravio de malas, a ação cobrará,também, o valor de tudo o que estava acondicionado na bagagem.