Marketing jurídico – O que faz um advogado de direito jurídico?

A internet é uma ferramenta muito importante para todos os tipos de negócio e área de atuação. Por isso, é errado pensar que só um varejista precisa estar online.

Marketing jurídico – O que faz um advogado de direito jurídico?

Um advogado que não é conhecido na internet dificilmente alcançar uma posição de destaque em sua área, já que outros profissionais acabam conquistando espaços que este poderia ocupar.

Por isso, o marketing jurídico é tão importante, afinal ele pode dar a visibilidade que uma banca naturalmente não possui. Mas, assim como médicos e profissionais de saúde, os advogados precisam se atentar a algumas regras antes de investir em estratégias de marketing.

Para ajudar nesse processo, elaboramos um texto com algumas dicas que vão tornar a elaboração dessas estratégias mais simples. Confira.

O que é o marketing jurídico?

O marketing jurídico é um conjunto de estratégias de propaganda que são realizadas de acordo com as regras estabelecidas pela Ordem dos Advogados do Brasil, a OAB, conselho que rege a atuação na área.

Além de servir para conquistar novos clientes, o marketing jurídico tem grande importância na construção da reputação de um advogado, já que ele pode servir para dar visibilidade a esse profissional e mostrar que ele é especialista em um determinado assunto.

Benefícios do marketing jurídico

O marketing jurídico vai muito além de encher o seu escritório com clientes, que vão lhe render recursos em dinheiro. Essa estratégia ajuda a alcançar as pessoas certas.

Isso acontece porque, com o marketing jurídico, é possível direcionar o público que se deseja atingir, conquistando uma clientela qualificada e que tem muito a agregar ao seu escritório.

Relacionamento

A adoção do marketing de relacionamento influencia também no relacionamento que você possui com seus clientes. Além de aproximá-los, essa tática fideliza os clientes, que passam a agir como embaixadores de seu escritório para outras pessoas.

Competitividade

O marketing jurídico, quando bem feito, tem efeitos positivos sobre a competitividade de um escritório, já que mostra a preferência e a confiança de seus clientes no seu trabalho.

Isso fica muito claro quando dão preferência pelo seu atendimento ao invés de consultar um colega ou escolher outra banca que atue na mesma área que você.

Como fazer marketing jurídico corretamente?

O marketing jurídico, como qualquer forma de marketing, requer planejamento e estratégia. É necessário saber que tipo de público você deseja atingir, qual sua faixa de renda, suas características e opiniões.

Com essas informações é preciso criar conteúdo voltado especialmente a essas pessoas, atraindo sua atenção e incentivando a consulta em seu escritório.

Saber em quais canais o marketing jurídico será realizado é essencial, pois a forma de comunicação e a linguagem dos materiais produzidos muda em cada um deles.

Por exemplo, o texto mais longo escrito em um blog pode não ser bem aceito em um perfil no Facebook ou naquele vídeo do Youtube que você decidiu postar essa manhã.

Para não errar na escola dos canais, é importante mapear muito bem o comportamento do seu público. Quais redes mais utilizam? São mais visuais ou preferem textos longos?

Com essas estratégias, seu plano de marketing jurídico vai atrair ainda mais clientes.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!